Perguntas Frequentes

  1. O que é Estatística?Logo Estatística
  2. Qual o objetivo do Bacharelado em Estatística - UFC?
  3. Que habilidades pessoais são desenvolvidas em um Bacharelado em Estatística?
  4. O formado em Estatística pela UFC é capaz de que?
  5. Onde o profissional pode atuar?
  6. Como está o mercado de trabalho?
  7. Qual a duração do curso?
  8. Como são as aulas?
  9. Quais os perfis profissionais dos professores do curso?
  10. Quais os diferenciais do curso de Estatística da Universidade Federal do Ceará?

Respostas

O que é Estatística?

Estatística é um conjunto de métodos usados para se analisar dados. A Estatística pode ser aplicada em praticamente todas as áreas do conhecimento humano e em algumas áreas recebe um nome especial. Este é o caso da Bioestatística, que trata de aplicações da Estatística em Ciências Biológicas e da Saúde.

Qual o objetivo do Bacharelado em Estatística - UFC?

O curso de Bacharelado em Estatística da UFC tem por objetivo formar um profissional com conhecimentos das técnicas estatísticas e afins, sendo capaz de atuar em diversos setores, seja público ou privado. O profissional deve apresentar as seguintes características:

  • dominar os conhecimentos estatísticos, tendo consciência do modo de produção próprio desta ciência – fundamentos, origens, procedimentos, etc. - tendo também conhecimento das suas aplicações em várias áreas.
  • perceber o quanto o domínio de certos conteúdos, habilidades e competências próprias à Estatística importam para o exercício pleno da profissão.
  • ser capaz de trabalhar de forma integrada com os profissionais da sua área e de outras áreas com objetivo de favorecer uma aprendizagem contínua e interdisciplinar.

Que habilidades pessoais são desenvolvidas em um Bacharelado em Estatística?

O curso de graduação em Estatística pretende formar profissionais de Estatística, que, ao longo do curso, desenvolvam as seguintes habilidades:

  • ter cultura científica: o trabalho estatístico começa com interação com profissionais dos mais diversos campos do conhecimento, sendo importante que conheça os fundamentos mais gerais da área que o ajudarão na definição da(s) metodologia(s) adequada(s) para o tratamento dos problemas que se apresentarem;
  • ter capacidade de expressão e de comunicação;
  • ter capacidade crítica para analisar os conhecimentos adquiridos, assimilar novos conhecimentos científicos e/ou tecnológicos;
  • ter capacidade de trabalhar em equipe;
  • ter habilidades gerenciais;
  • ter domínio, pelo menos no nível de leitura, de uma língua estrangeira.

O formado em Estatística pela UFC é capaz de que?

Desenvolvidas as habilidades anteriormente citadas, o profissional de Estatística formado pela UFC deve ser capaz de:

  • conhecer as formas de planejamento de coleta de dados;
  • conhecer as formas de medição das variáveis de sua área de atuação e de organização e manipulação dos dados;
  • saber produzir sínteses numéricas e gráficas dos dados, através da construção de índices, mapas e gráficos;
  • saber usar técnicas de análise e de modelagem estatística;
  • ser capaz de, a partir da análise dos dados, sugerir mudanças nos processos de política pública e nos procedimentos econômico-operacionais de empresas privadas.

Onde o profissional pode atuar?

Em função da natureza da profissão, o estatístico poderá atuar:

  • em empresas públicas ou privadas, já que estas, independente do setor de atuação, necessitam tratar a informação, não somente para sua fixação no mercado, como também para atender de forma adequada os clientes, avaliar e manter a qualidade de seus produtos e/ou serviços, planejar estrategicamente ações futuras, etc. O fazer do profissional de Estatística transforma dados brutos em um leque de informações que permite o autoconhecimento da empresa, bem como dá suporte às decisões a serem tomadas;
  • em instituições de ensino e/ou pesquisa, com qualificação em nível de pós-graduação, apoiada por uma sólida formação oferecida pelo curso de graduação.

Como está o mercado de trabalho?

Atualmente, existem mais de 30 bacharelados em estatística no Brasil. Mas a procura por esse tipo de curso no país ainda é muito baixa, apesar das vagas que sobram no mercado de trabalho e das excelentes perspectivas de carreira e salário.

Uma pesquisa realizada pelo CareerCast.com, site norte-americano especializado em empregos, a estatística está entre as melhores profissões dos Estados Unidos: ficou em 20º lugar em uma lista que avalia um total de 200 carreiras. Divulgado anualmente, o ranking leva em conta demandas físicas, ambiente de trabalho, renda, estresse e perspectivas de contratação.

Outra pesquisa recentemente divulgada pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) mostra que os estatísticos recebem a segunda melhor remuneração média do Brasil: R$ 5.416,00 por mês. Entre as 48 carreiras de nível superior avaliadas, ela só perde para medicina, que tem um ganho médio mensal de R$ 6.940,00. Considerando-se o ranking geral das melhores carreiras, em que foram analisados aspectos como taxa de ocupação, jornada de trabalho e cobertura previdenciária, a estatística ocupa a sexta posição.

“A carreira é promissora e sempre há chances de crescer. O salário inicial está em torno de uns R$ 3.000,00 a R$ 3.500,00 mais benefícios (vale refeição, vale transporte, seguro saúde), mas isso varia muito de empresa para empresa”, conta a ex-aluna do ICMC Gabriela Passos. Ela faz parte da primeira turma de estatísticos formados pelo Instituto e, antes da cerimônia de colação, que aconteceu no dia 23 de agosto, já estava trabalhando como analista de inteligência júnior no Grupo Abril. “Sou responsável pela análise dos dados na área de marketing direto com o objetivo de propor melhorias nas ações realizadas”, explicou Passos.

Texto retirado da matéria: Qual a probabilidade de um estatístico ficar desempregado?

Qual a duração do curso?

O Curso de Estatística funcionará em período diurno, com duração mínima de 4 (quatro) anos e máxima de 6 (seis) anos, em sistema de créditos semestral, com as disciplinas sendo ofertadas anualmente.

Como são as aulas?

As aulas têm uma característica principal: aprender a estudar. De uma forma geral, o professor não é o instrumento fonte da informação, mas um guia de como o aluno pode encontrá-la. É necessário que se reserve tempo para estudar. Lembre-se de que um curso superior é um investimento feito em si mesmo, por isto é necessário encará-lo com determinação.

Quais os perfis profissionais dos professores do curso?

O corpo docente é composto de 25 docentes efetivos, dentre os quais, 21 são doutores, 3 mestres e 1 especialista. Destacamos que o grupo de professores permanentes mescla pesquisadores jovens e experientes com formação e titulação em diferentes áreas, dentre elas destacamos: estatística, computação, matemática, agronomia e engenharia. Todas os títulos foram obtidos em renomadas instituições, vários deles no exterior. Essa formação diversa porem correlata revela o potencial multidisciplinar do grupo.

Quais os diferenciais do curso de Estatística da Universidade Federal do Ceará?

  • O curso é um dos mais tradicionais e antigos do Brasil, criado em 1964;
  • Corpo docente formado em grande maioria por doutores formados e titulados nas mais renomadas universidades;
  • Boa infraestrutura, incluindo Salas de Aula, Laboratórios, Bibliotecas e Áreas de Convivência;
  • Grade curricular atualizada;
  • Biblioteca com ótimo acervo e frequente atualização;
  • Projetos de Extensão como Laboratório de Estatística e Matemática Aplicada (LEMA);
  • Muito bem reconhecido pelo mercado de trabalho.
JSN Solid template designed by JoomlaShine.com