O Curso de Graduação em Estatística - UFC

Apresentação

Logo Estatística

O curso de Bacharelado em Estatística da Universidade Federal do Ceará foi criado em outubro de 1964 e está sob a tutela do Departamento de Estatística e Matemática Aplicada (DEMA) do Centro de Ciências. São oferecidas 60 vagas anuais com ingresso sempre no primeiro semestre letivo de cada ano.

O período de conclusão é de no mínimo 4 anos e no máximo 6 anos. Os estudantes ingressam via ENEM/MEC e Sistema SISU, conforme edital publicado pela administração superior da UFC. O curso conta com laboratórios de computação, laboratório de consultoria estatística, empresa júnior, programa de educação tutorial (PET), centro acadêmico.

A estrutura curricular tem por base disciplinas de Estatística, Probabilidade, Matemática e Computação.

Missão

O curso de Bacharelado em Estatística da UFC tem como missão formar profissionais com conhecimentos das técnicas estatísticas e afins, sendo capaz de atuar em diversos setores, seja público ou privado. O profissional deve apresentar as seguintes características:

Estatística-grafico2

  • dominar os conhecimentos estatísticos, tendo consciência do modo de produção próprio desta ciência – fundamentos, origens, procedimentos, etc. - tendo também conhecimento das suas aplicações em várias áreas.
  • perceber o quanto o domínio de certos conteúdos, habilidades e competências próprias à Estatística importam para o exercício pleno da profissão.
  • ser capaz de trabalhar de forma integrada com os profissionais da sua área e de outras áreas com objetivo de favorecer uma aprendizagem contínua e interdisciplinar.

 Perfil

O perfil do Bacharel em Estatística graduado pela Universidade Federal do Ceará é fundamentada em conhecimentos de Matemática, Probabilidades, Computação e Técnicas Estatísticas para a manipulação de dados.

Essa formação permite ao estatístico utilizar técnicas para:

  • Efetuar levantamentos e análise de informações;
  • Planejar e realizar experimentos e pesquisas em várias áreas científicas;
  • Formular a solução para os mais variados e complexos problemas concernentes à melhoria dos mais variados sistemas.

A exploração de vastas e diversas bases de dados estatísticos, hoje existentes, requer um profissional capaz de extrair daí relevantes informações através do uso de modernas técnicas estatísticas.

O processo de formação do profissional de Estatística deverá ser orientado para atender o seguinte perfil:

  • Visão cultural ampla;
  • Competência no relacionamento interpessoal;
  • Propensão para o trabalho em equipe interdisciplinares e multidisciplinares;
  • Ação de liderança;
  • Disposição para a aprendizagem permanente e o autodesenvolvimento;
  • Boa dose de habilidade numérica, de raciocínio abstrato, de atenção concentrada, de exatidão e rapidez de cálculo, de meticulosidade, de facilidade para associar, deduzir e sintetizar;
  • Incorporar habilidades no uso de computadores, fator preponderante para o exercício da profissão;
  • Habilidade de comunicação na igualdade e na diferença, oral e escrita,convencional e eletrônica;
  • Competência no relacionamento interpessoal;
  • Postura ética fundamentada em valores universalmente consagrados

O Código de ética do profissional estatístico, aprovado em 06 de outubro de 1976, pelo O CONSELHO FEDERAL DE ESTATÍSTICA (CONFE) está disponível clicando AQUI.

Área de Atuação

jobs

O estatístico é um profissional que pode atuar em diversas áreas.

  • Na indústria, trabalha com análise de dados colhidos, com o objetivo de detectar possíveis erros e escolher métodos para melhorar a qualidade de um produto;
  • No setor financeiro, pode trabalhar na área de seguros, análise de risco e avaliação de investimentos;
  • A área da Bioestatística é outro campo de trabalho em que o profissional pode atuar na organização de dados de pesquisas para as áreas de Ciências Biológicas e da saúde;
  • Na saúde, são úteis ainda na indústria farmacêutica, por meio da análise e teste de novos produtos;
  • Na Medicina, nos estudos de epidemias, na análise de novos métodos clínicos e cirúrgicos e no registro e coleta de dados sobre a saúde pública.

Entre as tantas áreas de atuação do estatístico, o profissional tem a oportunidade de trabalhar em agências de marketing ou publicidade, órgãos governamentais, institutos de análise de controle de qualidade e ONGs, produzindo estatísticas que ajudem os projetos sociais a atingir e resolver problemas de maneira mais eficaz.

JSN Solid template designed by JoomlaShine.com